"O maior inimigo da autoridade é o desprezo e a maneira mais segura de solapá-la é o riso." (Hannah Arendt 1906-1975)

domingo, 30 de junho de 2013

CHINELÂNDIA – UM PAÍS DE TODOS NÓS



Caros leitores, hoje vamos falar sobre a recente descoberta de um novo país – a Chinelândia. Em que pese todo avanço tecnológico que permitiu mapear o planeta por GPS, essa terra, ainda não completamente colonizada pela ONU e pelo New York Times, estava quase esquecida.
A Chinelândia é um país gigantesco – estende-se desde “onde tem índio pelado” até a terra em que faz “frio de renguear cusco”. Seus habitantes são descendentes de um povo já extinto que deu ao mundo nomes como Machado de Assis, Gilberto Freyre e Heitor Villa Lobos..Não se sabe exatamente o que aconteceu com seus ancestrais – morte por falta de esperança é uma hipótese que agora está sendo estudada pelos historiadores.
O adjetivo gentílico para aquele que nasce na Chinelândia é chinelão..Os chinelões são um povo pacífico e até hoje não se sabe exatamente o que lhes poderia levar a uma guerra civil. Costumam passar longas horas na frente da TV assistindo transmissão de treinos de formula 1 ou narrativas de baile de carnaval de salão. A cultura chinelona, que prima pelos aforismas como método pré-racional de difusão, tem algumas máximas. Assim, a Chinelândia ensinou o mundo que “brigar por causa de mulher é besteira” e que “politica, religião e futebol não se discute”. Não há absolutamente nenhuma dúvida de que todo chinelão pensa viver “num país tropical e abençoado por Deus”.. Povildo, o leão vegetariano mascote da LBB, já foi visto nas suas florestas !
Discute-se atualmente qual o verdadeiro idioma falado na Chinelândia – sabe-se que seus habitantes não conseguem ler em português, passam a vida fazendo cursinhos de inglês e juram que falam espanhol..coisa que de fato atrapalha bastante os pesquisadores na hora de publicar algum estudo sério. Cada vez que alguma questão política torna-se polêmica aplica-se uma das primeiras leis da Constituição que diz – “o importante é que ninguém seja prejudicado” ou “a sociedade precisa ser ouvida como um todo” (essa última, de caráter mais radical é invocada em situações mais graves) e logo as diferenças são resolvidas. Todo presidente chinelão, quando assume o cargo jura solenemente que “isso sempre foi assim” e que “eu não sabia de nada”...
A gastronomia chinelona é bastante variada, mas já se sabe que o prato nacional é estrogonofe de galinha com batata palha acompanhado de vinho tinto suave de fabricação nacional servido em grandes garrafões gelados. Nas grandes celebrações nacionais o prato é oferecido de graça à população e sempre ocorrem grandes shows de uma cantora do Nordeste chinelão – Claudete Fraudalo....às vezes substituída por outra musa nacional – Gabriela Júpiter.
Aspectos da geografia física à parte, é no campo da cultura que a descoberta da Chinelândia causou o maior impacto no resto do mundo..Graças aos filósofos chinelões o mundo conseguiu conciliar o materialismo histórico, que constitui a base do marxismo, com a tradição cristã católica e deu ao planeta essa conquista gigantesca chamada Teologia da Libertação. No futebol, foram os chinelões que recomendaram que a seleção de um país vizinho jogasse SEM a combinação de Neymar e Ronaldinho Gaúcho, coisa que permitiu que a seleção chinelona tivesse um desempenho espetacular na Copa das Confederações..
Em termos musicais a Chinelândia é uma fonte de produção inesgotável...A música do país hoje é conhecida como MPC – Música Popular Chinelona e Alberto Alves é um dos seus maiores compositores. Numa de suas entrevistas, perguntado sobre qual a fonte de sua inspiração, afirmou - “tudo aquilo que eu canto parte da idéia do paralelismo sincrônico, descendente direto da biodiversidade autossustentável e afro-descendente não psicodélica inerente ao significado ontológico da hipótese racional ...ou não...” Com essa declaração Alberto Alves ganhou mais de um prêmio Grammy. Na literatura, a Chinelândia criou uma nova escola – a Esquizofrenia Fantástica – e um de seus expoentes, Saulo Cordeiro, hoje é um dos escritores mais lidos no mundo. Ele vendeu 2 vezes mais que o autor de “Cinquenta Maneiras de ter Orgasmo Sozinha”..
A ciência política, aperfeiçoada na Chinelândia, também nunca mais foi a mesma no resto do mundo. Os grandes estadistas chinelões ensinaram aos políticos contemporâneos que - “quem não faz coligação não se elege; quem faz não governa”...e a revolução que isso gerou está sendo estudada com grande cuidado em Londres, Paris e Washington..
Dormindo “eternamente em berço esplêndido” a Chinelândia deixou para o resto do mundo a lição que diz que “do sono ao coma profundo” a distância é a de um acidente vascular cerebral atendido pelo SUS, e que não existe nada tão ruim que não possa piorar um pouco mais. Há quem diga que a importação de 6000 juízes cubanos para o Supremo Tribunal Chinelão possa melhorar o país em alguns aspectos..
Sendo um país de todos, sem preconceito contra absolutamente mais nada, a Chinelândia de hoje já não é de mais ninguém...

Porto Alegre, 30 de junho de 2013.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Sua mensagem será avaliada pelos Editores do Ataque Aberto. Obrigado pela sua colaboração.