"O maior inimigo da autoridade é o desprezo e a maneira mais segura de solapá-la é o riso." (Hannah Arendt 1906-1975)

sexta-feira, 28 de novembro de 2014

OS DOZE TRABALHOS DE DILMA

Glauco Fonseca
Foi por conta de tristeza e por penitência que o semideus Hércules submeteu-se à realização dos doze trabalhos. O herói havia tido um acesso de loucura e acabou matando sua esposa, Mégara e seus filhos, ateando fogo na própria casa, tudo por causa de um feitiço do qual foi vítima por parte de Hera, a esposa “oficial” de Zeus. Quando Hércules recuperou a razão, procurou o Oráculo de Delfos para buscar orientação sobre como enfrentar a tragédia. O Oráculo mandou-o se entregar em servidão a Euristeus, rei da cidade de Micenas, que ordenou a realização das famosas tarefas. Os doze trabalhos foram realizados para que Hércules se redimisse dos erros e crimes que havia cometido.Dilma tem em comum com Hércules apenas a tão necessária remitência que a presidente brasileira precisa perseguir depois de tantos erros cometidos nos anos Lula+Dilma e que, em caso de se avolumarem, levarão todos nós a um inferno dantesco. Mas esta é outra história.A Presidente Dilma terá trabalhos e desafios hercúleos pela frente. Alguns deles servirão para tentar salvar seu mandato antes e depois de tomar posse. Outros serão, talvez, ainda mais difíceis, pois foram promessas que, desta vez, serão cobradas por pelo menos 51 milhões de brasileiros. Eis os trabalhos: 
1)      Terá que derrotar a Hidra de Lerna que se tornou a Operação Lava Jato. Cada cabeça cortada, dá vida à outra e se Dilma for implicada no esquema, não governará;
2)      O Leão de Neméia de Dilma será a LDO mística que transforma déficit em superávit que, se não for aprovada pelo Congresso ou glosada pelo STF, fará com que ela encare um processo por crime de responsabilidade por ser incauta e perdulária.
3)      O Javali de Erimanto será o prêmio caso Dilma tenha suas contas de campanha aprovadas pelo TSE, cujo juiz responsável é ninguém menos do que Gilmar Mendes.
4)      A Corsa Cerinéia dos chifres de ouro e pés de bronze será uma explicação minimamente decente para as centenas de milhões de dólares doados a Cuba para construção do porto de Mariel, cujos empréstimos secretos são proibidos e não passaram pelo Congresso.
5)      As Aves do Estínfale que a Presidente terá de enfrentar serão as respostas que deverá dar à sociedade quanto as “medidas impopulares” que terá de tomar – e já está tomando – lembrando que tais medidas ela atribuía a seu demonizado adversário nas eleições de outubro.
6)      Domar o Touro de Creta será o desafio que Dilma e o PT terão de encarar, caso se comprovem os inúmeros e cretinos indícios de fraude eleitoral, uso ilegal da máquina e parceria insólita do TSE com uma tal de Smartmatic, empresa responsável pela infraestrutura de tráfego de dados das votações, a mesma que opera na Venezuela e em outros países bolivarianos.
7)      Desviar os cursos de dois rios para lavar as Cavalariças de Áugias, soterradas de fezes, será um dos trabalhos mais desafiadores para Dilma e seus incompetentes gestores petistas: Concluir as obras abandonadas da transposição do Rio São Francisco, cuja inauguração foi prometida para 2012.
8)      Capturar as Éguas carnívoras de Diomedes será um trabalho dificílimo para a presidente cujo idioma é entendido por pouquíssimas pessoas. Ela terá de explicar outros escândalos que já começam a pipocar, como o “Eletrolão”, a corrupção e Furnas e Itaipu e na Infraero, além do Pronaf e nos Fundos de Pensão dos Correios, da Caixa e do BNDES.
9)      Para as futuras saias justas que o Congresso Nacional submeterá o Executivo, tendo Eduardo Cunha na presidência da Câmara, Dilma precisará conquistar o Cinto de Hipólita, que Hércules só conseguiu por se deixar seduzir pela guerreira que cortou o próprio seio para melhor manejar o arco e flecha. Hipólita, bem como todas as demais amazonas, foram mortas por Hércules depois que seu intento foi obtido.
10)  Os bois de Gerião foram roubados por Hércules e destes, alguns foram surrupiados por um gigante chamado Caco. Dilma terá de fazer tossir sua vaca e seus bois para explicar que vai, por causa do déficit monstruoso, mexer – sim – nas conquistas e em direitos trabalhistas, ao contrário do que prometeu na campanha. Dilma piou e agora terá de mugir.
11)  Atlas e Hércules mentiram um para o outro no trabalho dos Pomos de Ouro. Hércules pediu que Atlas buscasse os pomos enquanto segurava o mundo para ele. Atlas trouxe os pomos mas não quis mais segurar a orbe nas costas. Hércules disse a Atlas que ele iria apenas entregar os pomos ao rei e já voltaria. Atlas confiou em Hércules e voltou a carregar o mundo. Hércules foi e nunca mais voltou. Dilma fez o mesmo quando demonizou a equipe econômica de Aécio e depois trouxe para seu ministério o mesmo perfil, diante do assombro do próprio PT e de seus próprios eleitores, que passaram eles a carregar Dilma e suas incontáveis mentiras nas costas.
12)  Por fim, Dilma terá de enfrentar seu próprio cão de três cabeças e cauda em forma de serpente que guarda a entrada do mundo dos mortos, permitindo a entrada de todos, mas não deixando ninguém sair. Terá de fazer um governo fisiológico, mercenário, permitindo a entrada de qualquer um que lhe dê voto no Congresso, terá de nomear Ministros e gestores sedentos por verbas e cargos, terá de governar da mesma forma que fez sua campanha: “fazendo o diabo”. 
Depois de concluídos os doze trabalhos, Hércules estava remidido. Dificilmente acontecerá o mesmo, entretanto, com Dilma Vana Rousseff.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Sua mensagem será avaliada pelos Editores do Ataque Aberto. Obrigado pela sua colaboração.