"O maior inimigo da autoridade é o desprezo e a maneira mais segura de solapá-la é o riso." (Hannah Arendt 1906-1975)

quarta-feira, 31 de dezembro de 2014

OS NOVOS “CONSELHOS REGIONAIS DE MEDICINA”


Milton Pires

Em toda nossa carreira profissional, o que nós, médicos brasileiros, mais costumávamos temer até a chegada do PT ao poder no Brasil, era o julgamento de nossos “pares”..dos nossos colegas de profissão. Sejam ou não médicos ligados às autarquias que controlam o exercício profissional da medicina no Brasil, somos (eu diria que éramos) todos muito sensíveis ao que pensamos um dos outros. Isso começa já na faculdade com as disputas pelas “monitorias e estágios” e se acentua na vida profissional daqueles que precisam conviver com milhares e milhares de colegas subempregados. Sobram médicos no Brasil, ao contrário do que afirma o governo e os jornalistazinhos petistas que trabalham para ele.
Meu objetivo nesse artigo, entretanto, não é esse. Comecei dizendo que temíamos as opiniões dos nossos colegas e dei a entender que isso hoje não é mais assim. Explico por que dizendo que os médicos hoje são vigiados por uma “nova polícia”..uma “nova autarquia ou conselho” - aquele formado pelos jornalistazinhos engajados na causa do partido.
A imprensa brasileira inteira, em nome da liberdade de informação, massacra qualquer médico que puder noticiando queixas de abuso, de faltas no trabalho, de “mais de um emprego público”..enfim: qualquer coisa que for possível. O tipo de “jornalista” que faz isso é sempre o mesmo. Não se trata de gente necessariamente filiada ao partido. Não se trata, diria eu, sequer de gente que vota no partido, mas sim de gente que pensa como o partido quer: acredita na função “social” do jornalismo e vê no policiamento e na denúncia fácil a realização do seus ideais. Alegam, esses revolucionários de iPhone, que os médicos “não constituem classe privilegiada”....e “que não estão acima da lei”...Dizem isso para esconder o dinheiro que vem recebendo do Governo Federal para fazer seu trabalho sujo e para massacrar em cada oportunidade qualquer médico brasileiro e o Conselho Federal de Medicina. Se o colega de Uberlândia faz toque retal e vaginal na paciente “bonitinha” de 18 anos é “porque tentou transar com ela”..Se não faz; é “porque tem raiva de paciente pobre”, né jornalistazinho petista ???
O jornalistazinho petista atravessa as noites nas redações da Folha de SP, da Zero Hora e do Globo sempre cheirando seu “pozinho”..sempre “tomando Red Bull” e procurando, com CONTROL + V e CONTROL + C, aquilo que possa usar para humilhar mais ainda nossa profissão e para justificar a entrada dos escravos e falsos médicos cubanos no Brasil.
Grande erro, ledo engano, comete o Partido Religião se pensa que essa gente está disposta a continuar atacando o Conselho Federal de Medicina e os médicos brasileiros de graça em 2015. O jornalistazinho petista não trabalha sem receber e não está disposto a continuar com isso se o dinheiro parar de correr. Noticias de pacientes acusando médicos custam caro, “companheiros”...O PT precisa pensar nos custos de sustentar essa legião de viciados em cocaína, Red Bull e música do Cold Play. Precisa colocar no papel quanto custa financiar essa gente que sai barbuda e de brinco numa orelha só dessas espeluncas que são as faculdades que cursaram. Delas, as faculdades, eles partem para “coisas” da internet conhecidas como “Brasil 247”.. “Portal Vermelho”... “Diário do Centro do Mundo” e tantas outras páginas e blogs onde o jornalistazinho petista consegue tirar o suficiente para pagar seu Red Bull e seu “pozinho”..
Às vezes fico me perguntando se não seria mais fácil que o PT propusesse logo que ele, PT, e os “jornalistazinhos” escrevessem o Código de Ética Médica a ser utilizado no Brasil. Seria mais prático, não seria? Nós médicos ficaríamos mais tranquilos do que estamos agora. Agora já não temos mais medo do Conselho Regional de Medicina e nem sequer do Ministério Público ou da Justiça Brasileira. Nosso terror ..nosso mais profundo respeito e submissão, precisa ser apresentado à Zero Hora, Folha de São Paulo, o Globo e a essas imundícies controladas pela esquerda que infestam a internet. São eles que podem destruir de uma hora pra outra tudo que construímos durante a vida, não é mesmo? São eles os Novos Conselhos Regionais de Medicina no Brasil dos vagabundos petistas.

Porto Alegre, 31 de dezembro de 2014.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Sua mensagem será avaliada pelos Editores do Ataque Aberto. Obrigado pela sua colaboração.