"O maior inimigo da autoridade é o desprezo e a maneira mais segura de solapá-la é o riso." (Hannah Arendt 1906-1975)

quarta-feira, 30 de dezembro de 2015

CUBA É AQUI: CONFUSÃO EM SUPERMERCADO NA FRENTE DE HOSPITAL COMUNISTA

30/12/2015 15h49 - Atualizado em 30/12/2015 15h53

Confusão marca último dia de operação de supermercado no RS

Consumidores exigiam descontos de 50% nos produtos anunciados na loja.
Cinco unidades do Nacional fecham nesta quarta-feira (30) Porto Alegre.

Do G1 RS
supermercado nacional tumulto (Foto: Divulgação/Procon)Tumulto quando consumidores notaram que nem todos os itens tinham desconto (Foto: Divulgação/Procon)
anúncio de fechamento de unidades de supermercados da bandeira Nacional, da rede Walmart, causou um tumulto nesta quarta-feira (30) na loja localizada na Rua Francisco Trein, no bairro Cristo Redentor, Zona Norte de Porto Alegre. De acordo com Cauê Vieira, diretor do Sistema de Proteção e Defesa do Consumidor (Procon), consumidores exigiam descontos de 50% nos produtos anunciados um dia antes pelo estabelecimento.
"Foi divulgada a informação que hoje (quarta-feira) todos os produtos estariam com 50% de desconto, o que não é verdade. Apenas os produtos perecíveis foram anunciados pela metade do valor", disse Veira ao G1.
supermercado nacional tumulto (Foto: Divulgação/Procon)Produtos foram anunciados pela metade do preço
(Foto: Divulgação/Procon)
Consumidores fizeram fila desde as primeiras horas desta quarta (30) em frente à loja. Ao entrarem, perceberam que nem todos os produtos estavam com desconto e, então, começou o tumulto. A entrada do supermercado foi fechada e o Procon, acionado. A Brigada Militar também foi chamada ao local. Houve discussão e empurra-empurra entre os clientes e seguranças da loja.
Ao chegar na unidade, por volta das 10h, o diretor do Procon fez um acordo com a direção da loja para que os consumidores que estivessem no supermercado recebem os 50% de desconto anunciado para os produtos perecíveis. Foram distribuídas 84 senhas e a entrada era organizada com grupos de 10 pessoas por vez.
Além da confusão e do acordo firmado, o Procon também registrou um auto de infração contra o estabelecimento devido a um grande volume de produtos vencidos. "Foram mais de dois carrinhos com itens vencidos, mofados e descongelados. Só de pães, foram 52 saquinhos", relata Vieira. A empresa tem dez dias para apresentar a defesa.
Cinco unidades do Nacional encerram operações em Porto Alegre
A rede Walmart, responsável por uma série de supermercados no Brasil, confirmou o fechamento de cinco unidades da bandeira Nacional em Porto Alegre. As lojas vão encerrar as operações às 17h desta quarta-feira (30). A alegação, de acordo com a nota divulgada pelo grupo, é o “atual ambiente econômico no Brasil”.
“Estamos fazendo todo o possível para transferir os funcionários dessas unidades para outras lojas e, quando não for possível, oferecemos apoio para recolocação profissional”, diz o comunicado. Cinco marcas que fazem parte do grupo operam no estado: Nacional, Big, Todo Dia, Maxxi Atacado e Sam's Club.
Além da unidade do bairro Cristo Redentor, deixam de operar nesta quarta (30) as lojas nos bairros Bom Fim, Higienópolis e Rio Branco. A rede Walmart não informou quantos funcionários serão desligados com o fechamento dos estabelecimentos.
O Sindicato dos Empregados no Comércio de Porto Alegre afirma que está cobrando uma posição dos gestores das unidades quanto ao número de desligamentos, mas que a empresa não repassou informações. O sindicato disse ainda que está acompanhando a situação pela imprensa.
Confira o endereço dos supermercados Nacional que encerram as operações nesta quarta-feira (30):
Rua Francisco Trein, 687 — Cristo Redentor;
Avenida Venâncio Aires, 1.211 — Bom Fim;
Rua Miguel Tostes, 176 — Rio Branco;
Avenida Protásio Alves, 940 — Rio Branco;
Avenida Plínio Brasil Milano, 1.609 — Higienópolis.


HOSPITAL CONCEIÇÃO - Av. Francisco Trein, 596 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Sua mensagem será avaliada pelos Editores do Ataque Aberto. Obrigado pela sua colaboração.