"O maior inimigo da autoridade é o desprezo e a maneira mais segura de solapá-la é o riso." (Hannah Arendt 1906-1975)

domingo, 12 de fevereiro de 2017

A SENZALA PIRA QUANDO CASAGRANDE USA TURBANTE


Afro-chinelagem-petista do Brasil ofendeu uma paciente com câncer: vai PAGAR CARO nas "redes sociais"

Publicado:11 fevereiro 2017
DESQUEBRANDO O TABU
Mulher com câncer é acusada de racismo por usar turbante e retruca

A jovem Thauane declara ter sido abordada em uma estação com críticas ao adereço que usa para cobrir a cabeça devido ao câncer.




Nos últimos dias, um relato feito através da plataforma Facebook tem ganhado popularidade e também gerou polêmica. Thauane Cordeiro, uma jovem que luta contra o câncer, relatou ter sido abordada dentro de uma estação de trem por uma mulher negra que a aconselhou a não usar o turbante por Thauane ser branca.


A jovem relatou ter sentido olhares de desaprovação de outras pessoas pelo acessório. O turbante é associado à luta e resistência negra, além de ser um item que carrega identidade das culturas africanas e, por esse motivo, é considerado por muitos um grande desrespeito, ato de racismo e de #Apropriação cultural alguém que não seja negro utilizar-se do turbante.

Segundo o relato de Thauane, no momento da abordagem, ela tirou o turbante e mostrou que usava o mesmo para cobrir a cabeça pois não tinha cabelos, resultando do tratamento contra o câncer. "Tá vendo essa careca, isso se chama câncer, então eu uso o que eu quero!", foi a resposta de Thauane. Ela disse, ainda, que a moça ficou com "cara de tacho" e declarou: "Não vejo qual o PROBLEMA dessa nossa sociedade" e usou a hashtag #VaiTerTodosDeTurbanteSim. A mesma justificou que "é só um pano", opinião que foi duramente criticada e argumentada em diversas plataformas, tendo virado assunto também no Twitter.

A foto que acompanhava a publicação mostrava Thauane, caucasiana, vestindo um turbante. Devido a grande repercussão da sua postagem, Thauane veio a público mais uma vez agradecer pelas palavras de conforto e dizer que não esperava e que nem tinha a intenção de "causar" na internet ou gerar brigas, assim como não teve a intenção de menosprezar o movimento negro de qualquer forma.

Apesar das muitas críticas e brigas nos comentários, boa parte do público quis saber mais sobre o atual estado de saúde de Thauane e desejou melhoras à garota. Outros declararam que, apesar de sentirem-se normalmente ofendidos com o uso de turbantes por brancos que "desrespeitam seu valor cultural", entendem que Thauane tenha a liberdade para usá-lo, devido à sua doença. 

fonte - BLASTING NEWS


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Sua mensagem será avaliada pelos Editores do Ataque Aberto. Obrigado pela sua colaboração.