"O maior inimigo da autoridade é o desprezo e a maneira mais segura de solapá-la é o riso." (Hannah Arendt 1906-1975)

terça-feira, 21 de fevereiro de 2017

DEFINIÇÃO DO TERMO "SURUBA" NO BRASIL



SURUBASubs. Fem. Festa ou orgia envolvendo diversos níveis de putarias conhecidas e algumas ainda apenas imaginadas com velas pretas, correntes, estivadores com pênis de 50 cm, mulheres com vestidinho de onça, Grazi Massafera vestida de freira cega, tanques de cerveja importada e anãs lésbicas da Noruega penetradas por ursos polares gays. Não se sabe, exatamente, onde as surubas começaram, mas chegaram no seu ápice na Chinelândia da América do Sul – esta imundície conhecida como Brasil – sem ordem, sem pudor, sem moral, onde existem TODAS as religiões e não se leva a sério nenhuma delas, onde existem TODAS as Leis e não se cumpre nenhuma, e se decide o futuro ministro do STF em barcos cheios de putas e uísques, onde uma ex-presidente estoca vento e outro manda processos serem enfiados no c*de juízes e, no frigir dos ovos, falar em “suruba” já não faz mais sentido algum – a “suruba”, no Brasil, nada mais é do que o dia-a-dia de qualquer infeliz que nasceu no meio deste inferno.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Sua mensagem será avaliada pelos Editores do Ataque Aberto. Obrigado pela sua colaboração.