"O maior inimigo da autoridade é o desprezo e a maneira mais segura de solapá-la é o riso." (Hannah Arendt 1906-1975)

sábado, 4 de março de 2017

"Homens, perdoai-lhe, ele não sabe o que fez", diz Dilma ao ler Saramago na internet

"Homens, perdoai-lhe, ele não sabe o que fez", diz Dilma ao ler Saramago na internet:

Dilma-saramago-1024x496.jpg

RIO - Em um vídeo publicado nesta quarta-feira na página da Fundação José Saramago, no Facebook, a ex-presidente Dilma Rousseff aparece lendo o trecho final do romance "O evangelho segundo Jesus Cristo", do autor português, vencedor do Prêmio Nobel. Antes do início da leitura, a ex-presidente comenta:
- Não é nenhuma dificuldade para mim (a leitura) porque eu gosto demais desse livro.
O trecho final começa com as frases: "E Jesus morre, morre. E já vai deixando a vida quando de súbido o céu por cima de sua cabeça se abre de par em par. E Deus aparece vestido como estivera na barca". No encerramento, a ex-presidente afirma: "José é fundamental".
P
No crédito do vídeo, Dilma é apresentada como "última Presidenta legítima brasileira". A ex-presidente é próxima de Pilar del Río, viúva de Saramago e presidente da fundação. Em janeiro, foi Pilar que apresentou Dilma em sua fala em um seminário na Universidade de Sevilha, na Espanha. A viúva já declarou que não vê Dilma "como uma corrupta" e que ela foi vítima de machismo.

COMENTÁRIO do EDITOR - Essa pra mim é novidade! Eu não tinha conhecimento de que esta criatura sabia ler! Uma esteliofrênica (mistura de estelionatária com esquizofrênica) como Dilma deve ter confundido o "Evangelho de Saramago" com "Amigo Velho da Samarco". Quando toda Estupidez for abolida, toda Burrice for sanada...quando toda Grosseria e Vulgaridade fizerem parte do passado...ainda assim as pessoas vão se lembrar de Dilma Rousseff...Dilma é um Monumento à Estupidez Universal...Uma gigante, com retardo mental, mas uma Gigante !

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Sua mensagem será avaliada pelos Editores do Ataque Aberto. Obrigado pela sua colaboração.