"O maior inimigo da autoridade é o desprezo e a maneira mais segura de solapá-la é o riso." (Hannah Arendt 1906-1975)

sábado, 15 de abril de 2017

ALERTA TOTAL - Lula fará tudo para ser preso por Moro

Lula fará tudo para ser preso por Moro:



Lula%2Bapertadinho.jpg


Edição do Alerta Total – www.alertatotal.net
Por Jorge Serrão - serrao@alertatotal.net

Se Glauber Rocha ressuscitasse e pudesse dirigir um filme com roteiro de Nelson Rodrigues e José Padilha, o longo título seria: “Os dragões maldosos do $talinácio contra o juiz Moro e os protestantes guerreiros da Lava Jato”. A Patelândia mobiliza sua militância movida a sanduíche de mortadela e uma graninha para levar 60 mil manifestantes a Curitiba, no dia 3 de maio, quando o chefão outrora poderoso sentará na 13ª Vara do juiz Sérgio Fernando Moro. É grande a chance de o pau comer nas ruas.

A intenção estratégica de Lula é consolidar a falsa imagem de que é vítima de uma implacável perseguição política promovida pelos “meninos da bíblia” da tal “República de Curitiba”. A tática de Lula consiste em causar comoção popular. Craque em manipulação e mistificação, fará de tudo para levar um cartão vermelho de Moro. No caso, o desejo-mor é uma prisão da qual espera tirar proveito político. Lula tem certeza de que está em um caminho sem volta. Sabe que será preso, e espera que seu encarceramento deflagre alguma “revolução” em sua defesa.

Tal sonho tático de Lula pode se transformar rapidamente em pesadelo. Vide o caso do companheiro José Dirceu, antes um ideólogo garboso, mas que agora se transformou em um velhinho caidinho, após longo e inesperado encarceramento. O mesmo acontece com Eduardo Cunha, outrora poderoso e “herói” do “golpe” que tirou Dilma Rousseff da Presidência da República. O agora colaborador-mor Marcelo Odebrecht – que antes jurava jamais cair em traição – agora se transformou em uma espécie de “boneco falante” da delação premiada.

Lula tenta sua última cartada posando de mártir, e apostando que o eleitorado nordestino lhe dará amplo apoio para uma temerária corrida presidencial em 2018. O desafio real dele é como será capaz de fazer campanha – e conseguir ser candidato -, caso acabe efetivamente preso. Lula está “apertadinho”, igualzinho a outros enrolados na Lava Jato. No mínimo, Lula tende a ser condenado por tráfico de influência, pelo que foi exposto nos vídeos de depoimentos de Marcelo Bahia Odebrecht – agora considerado pela petelândia como o supremo “Judas” – e pelo pai dele, Emílio Odebrecht – agora apelidado pela Rede Globo de “decano da corrupção brasileira”.   

Tão ou mais grave que a mentirada de Lula – e que precisa ser repudiado – é o golpe institucional armado pelo desgoverno do Crime Institucionalizado. Lideranças dos grandes partidos enrolados na Lava Jato tentam um pacto de salvação. O mais descarado no plano deles é uma enganosa “reforma” política, que seria feita a partir da convocação de uma “constituinte originária” sob controle da bandidagem política. Tal armação já deixa os militares em alerta máximo. O golpe é inaceitável!

Vale repetir por 13 x 13: O Brasil precisa ser passado a limpo, e a única solução efetiva e eficaz é através de uma Intervenção Institucional que promoverá uma repactuação legal, desde à Carta Magna até as outras quase 200 mil leis em vigor. Também é imprescindível definir um rumo estratégico para o País, com base no federalismo, na eleição com voto distrital e no redimensionamento da máquina estatal, sobretudo com a redução do número de políticos “profissionais” na União, nos estados e municípios.

Os bandidos que dominam a política não querem que isto aconteça. Os segmentos honestos e esclarecidos da sociedade brasileira precisam lutar para vencê-los. Os canalhas apostam na temerária radicalização contra a Lava Jato. Os advogados dos criminosos tentam o milagre de salvá-los, enquanto a politicalha articula golpes legais que viabilizem uma espécie de “anistia”.

Todos os corruptos estão apertadinhos, embora nenhum deles assuma que recebeu dinheiro da “Engenharia da Corrupção” em parceria delituosa com o Estado Ladrão do Brasil. O medo não é só de puxar cadeia. Tem gente com medo de morrer... Por isso, nos bastidores, um ameaça o outro... As conseqüências são imprevisíveis neste fim patético da criminosa “Nova República”... 

O Alerta Total tem a missão de praticar um Jornalismo Independente, analítico e provocador de novos valores humanos, pela análise política e estratégica, com conhecimento criativo, informação fidedigna e verdade objetiva. Jorge Serrão é Jornalista, Radialista, Publicitário e Professor. Editor-chefe do blog Alerta Total: www.alertatotal.net. Especialista em Política, Economia, Administração Pública e Assuntos Estratégicos. 

A transcrição ou copia dos textos publicados neste blog é livre. Em nome da ética democrática, solicitamos que a origem e a data original da publicação sejam identificadas. Nada custa um aviso sobre a livre publicação, para nosso simples conhecimento.

© Jorge Serrão. Edição do Blog Alerta Total de 14 de Abril de 2017.



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Sua mensagem será avaliada pelos Editores do Ataque Aberto. Obrigado pela sua colaboração.