"O maior inimigo da autoridade é o desprezo e a maneira mais segura de solapá-la é o riso." (Hannah Arendt 1906-1975)

sexta-feira, 26 de maio de 2017

Um texto fundamental sobre a loucura esquerdista de ser “pró-Cracolândia”

Um texto fundamental sobre a loucura esquerdista de ser “pró-Cracolândia”:

O blog “Mundialista”, tocado por Vilma Gryzinski na Veja, é ele inteiro uma leitura fundamental. Mas a análise sobre o pessoal pró-Cracolândia, para além disso, é conteúdo obrigatório. Ainda hoje, trouxemos a opinião de uma psiquiatra sobre o tema.
Agora, a do blog “Mundialista”. Seguem trechos:
“Loucura atinge ápice: manifestação a favor da Cracolândia – As pragas da insanidade correm soltas pelo país, mas é difícil imaginar algo mais estarrecedor do que “manifestantes”, ONGs e juristas pelo direito ao crack (…)
Qualquer iniciativa tomada para acabar com este escândalo a céu aberto é imediatamente contestada por especialistas preocupados com tudo, menos com os cidadãos infernizados por esta aberração (…)
Mas quem está preocupado com moradores, transeuntes, donos de pequenos comércios, todos infernizados pelo território livre de viciados e traficantes? Com os trabalhadores humildes assaltados por um celular que vai virar pedra? Quem já olhou pelas janelas dos prédios onde as castas superiores trabalham e viu faxineiras sairem em grupo, na hora da mudança de turno, agarrando as bolsas, tentando se proteger mutuamente dos “nóias”?”
O texto pode ser lido na íntegra aqui.
Source: Implicante.Org


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Sua mensagem será avaliada pelos Editores do Ataque Aberto. Obrigado pela sua colaboração.