"O maior inimigo da autoridade é o desprezo e a maneira mais segura de solapá-la é o riso." (Hannah Arendt 1906-1975)

quinta-feira, 1 de junho de 2017

ATENÇÃO PSIQUIATRAS DO BRASIL. AGORA A COISA FICOU SÉRIA - Fábio Assunção articula grupo de artistas para criticar ação na Cracolândia

1496355954813.jpg


Agora sim ! O Brasil e a Associação Brasileira de Psiquiatria vão saber com quem estão lidando - finalmente uma autoridade no assunto! Fábio Assunção, ator da Globo vai definir o que deve ser feito nessa questão !

Ator não estaria contente com as políticas adotadas por João Doria para a região

O ator Fábio Assunção está tentando criar um grupo composto por artistas e ativistas para levar críticas ao prefeito João Doria (PSDB-SP) por conta das atitudes do governo municipal na região da Cracolândia. As informações são da colunista Mônica Bergamo, da Folha de S. Paulo.

LEIA TAMBÉM:

"Se a gente só polarizar com ele, não vamos conseguir nada", contou Fábio à coluna, ressaltando a necessidade de estar aberto ao diálogo para tentar contornar a situação.
O ator chegou a ter problemas com a dependência de drogas no passado, que o levaram a ficar sete anos afastado do mundo das novelas. Hoje em dia, porém, considera o assunto encerrado.
Atualmente, a região chamada de Cracolândia em São Paulo vem chamando atenção por conta de ações realizadas pela Prefeitura para tentar combater o tráfico e consumo de drogas na região. Algumas das medidas fizeram com que o Ministério Público Estadual (MPE) e a Defensoria Pública destacassem o risco de uma "caçada humana".

"King Lear and the Fool in the Storm" (1851) de William Dyce. 

7 comentários:

  1. Droga näo nasceu na Cracolandia nem morre lá. Näo sou täo inteligente a fim de encontrar uma solucäo mas se existe deverá levar muito tempo porque violencia näo acaba com droga.

    ResponderExcluir
  2. Se passaram varios governadores e prefeitos e ninguém tomou atitude e agora que alguem toma critica ao invés de ajudar com projetos, por que aquelas pessoas podem até querer sair da li mas nao tem forças para lutar eu aplaudo de pé João doria pela sua iniciativa com sua equipe e eu tenho aplena certeza que ele tem uma soluçao para esses problemas. E vcs que criticam as pessoas que se incomodam com o trabalho dos outros saia da sua zona de conforto e vai la conversar e ajudar alguém não faça crítica destrutiva faça critica construtiva seja solução nao o causador de mas problemas

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Concordo plenamente!Até aqui não ouvimos nenhum político criar um meio para ajudar aquela gente.Agora aparece milhões para criticar.

      Excluir
    2. Ana gleice, você está equivocada e mal informada. Dória na verdade DESTRUIU um programa que atuava desde a gestão de Haddad e que vinha sob um viés de saúde pública e humano paulatinamente construindo alguma experiência de tratamento. Dória não sabe o que fazer, ele não entende nada de gente, só de marketing, e marketing é marcado pelo tempo político, vide a secretária dele que pediu demissão por não concordar com a prática da higienização, como se fossem lixo aquelas pessoas. Busque vídeos que apresentam o Braços Abertos, a entrevista da secretária de Dória. Temos que expurgar esse prefeito que de cidade n e de gente não entende nada, apenas de posar para fotografia. Cada dia que passa os paulistanos percebem a que veio esse moço. Ah, também devo lhe dizer que aquela área da cracolândia é alvo de especulação imobiliária, por que vc acha que ele se encontra demolindo as edificações? Porque está preocupado com o tráfico? Traficante está na direção do partido do qual ele é representante, lá existem seres que precisam de atenção de serviço público, e isso Dória não sabe fazer.

      Excluir
  3. É lamentável ver como pessoas por questão partidária e não humanitária surgem para criticar, raramente para contribuir positivamente.
    Confesso que não me interessa a opinião de atores, não sou de direita, esqueda, centro....apenas torço muito para que a prefeitura consiga melhorar a vida desses usuários e os parabenizo por fazerem alguma coisa neste sentido. São pessoas que não tem a menor condição de escolherem o melhor para sua vida, se tivessem não estariam na cracolândia!
    Perguntem para os familiares o que eles acham desta atitude da prefeitura e não pra gente que não ama gente, estão apenas preocupados de que o resultado seja positivo e enalteça o prefeito e o seu partido.

    ResponderExcluir
  4. Ex-drogado? Não me parece. Isso cheira mais a medo de perder fornecedores

    ResponderExcluir

Sua mensagem será avaliada pelos Editores do Ataque Aberto. Obrigado pela sua colaboração.