"O maior inimigo da autoridade é o desprezo e a maneira mais segura de solapá-la é o riso." (Hannah Arendt 1906-1975)

quarta-feira, 14 de junho de 2017

EXÉRCITO BRASILEIRO COVARDE FICA QUIETO e Comissão do Senado aprova permissão para estrangeiro participar de eleições


Comissão do Senado aprova permissão para estrangeiro participar de eleições:


A Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) do Senado aprovou nesta quarta-feira, 14, a permissão para que estrangeiros possam votar e ser votados em eleições municipais no País. A medida agora precisa ser votada pelo plenário da Casa.

O autor da proposta é o senador licenciado e ministro das Relações Exteriores, Aloysio Nunes Ferreira (PSDB-SP). A medida estende para todas as nacionalidades um direito que hoje é restrito a brasileiros (nascidos no País ou naturalizados) e aos portugueses.

A PEC prevê que o direito a votar e a ser votado, porém, é condicionado a acordos de reciprocidade entre Brasil e outras nações. Ou seja, só poderão participar das eleições municipais naturais de países que também permitam a participação de brasileiros em suas eleições.

Na justificativa da proposta, Nunes Ferreira cita diversos locais onde a permissão para estrangeiros participarem das eleições já é adotada, como Dinamarca, Suécia e alguns cantões suíços em eleições regionais.

“Registramos que o direito ao voto pode ser admitido sob condições de reciprocidade e de permanência por um determinado número de anos; por ser membro de um conjunto de países (caso da Commonwealth ou decorrente de acordos bilaterais entre Dinamarca, Suécia, Islândia e Noruega); ou por ser membro de uma integração política regional (caso da União Europeia, que permite votar e ser votado a seus cidadãos)”, afirma Nunes Ferreira na justificativa da proposta.

A PEC foi aprovada sem discussão, em uma sessão da CCJ esvaziada, com a presença de apenas quatro senadores. O relator do texto foi o senador Antonio Anastasia (PSDB-MG), vice-presidente da comissão.

The post Comissão do Senado aprova permissão para estrangeiro participar de eleições appeared first on ISTOÉ Independente.

4 comentários:

  1. parece o pesadelo nao tem fim e se alguem imagina que dona onça vai fazer alguma coisa pode tirar o cavalo da chuva, esses imbecis alem de nao terem feito o que deviam qd podiam:acabar de vez com os comunistas e educar o povo decentemente, ainda na saida o animal do leonidas joga de graça o poder na mao dos cangaceiros nordestinos.EB e so outra vergonha nacional.

    ResponderExcluir
  2. Brasil realmente virou um galinheiro é um puteiro , que vergonha.

    ResponderExcluir
  3. Essa proposta do senador Aloysio Nunes, motorista do terrorista Mariguela, virá, se aprovada pelo Senado, fortalecer a Lei de Migração, cujo autor é o também terrorista Aloysio Nunes -, já provada pelo Congresso de canalhas e ratificada pelo canalha-mor Temer.
    A duas atendem ao pleito da ONU e da Nova Ordem Mundial - travestida de UE - para alojar soldados islâmicos camuflados de refugiados na América do Sul, de forma oficial e definitiva.
    As Forças Armadas estão assegurando a revolução cultural comunista no Brasil. Não foi à toa que permitiram a sobrevivência dos guerrilheiros e terroristas, pós 64, hoje em plena ação nos desígnios do país, e assinaram a anistia ampla geral e irrestrita, requerida pelos derrotados.
    Esse mesmo Aloysio Nunes, entre outros, foi agraciado, há menos de uma semana, com a medalha do mérito do ministério da defesa, a mando do Ministro da Defesa Jugmann, outro comunista e desarmamentista.
    Estamos indo para o paredão, feito gado para o abate, escoltados pelas Forças Armadas.
    "Tudo pela Pátria"!?
    "Brasil acima de tudo"!?

    Pilincho

    ResponderExcluir
  4. Concordo plenamente com seu comentario. Milhões de brasileiros vendo os criminosos fazendo leis imbecís e ninguem se levanta pra combater.

    ResponderExcluir

Sua mensagem será avaliada pelos Editores do Ataque Aberto. Obrigado pela sua colaboração.