"O maior inimigo da autoridade é o desprezo e a maneira mais segura de solapá-la é o riso." (Hannah Arendt 1906-1975)

quinta-feira, 31 de agosto de 2017

O “MILAGRE DA MULTIPLICAÇÃO”, FEITO PELO PT


         Depois que o energúmeno ex-presidente Lula da Silva cometeu a imperdoável heresia de se comparar a JESUS CRISTO, durante mais um de seus arroubos paranoicos ao discursar certa vez para a tradicional plateia de capachos que o idolatra, o PT repete o conhecido milagre da multiplicação, só que em fotos, onde tenta falsear a verdade e aumentar ardilosamente a quantidade de simpatizantes na já fracassada caravana do boquirroto pré-candidato, nestes dias em curso pelo nordeste brasileiro.
         Ao contrário de Jesus Cristo, que – segundo nos conta a Bíblia sagrada – multiplicou pães para alimentar a uma multidão de discípulos em Betsaida, na Galileia, o famigeradoPT não se cansa de usar artifícios espúrios visando “melhorar a sua própria imagem” nas manifestações públicas que envolvem os fanáticos simpatizantes. Fanáticos, ou contratados, não se sabe bem.
         Pois, nesta semana circulou pelas redes sociais uma NOVA FOTO da fracassada caravana Lulopetista, onde os éticos membros da quadrilha de bandidos manipularamdolosa e fraudulentamente uma imagem, inserindo os mesmos grupos de manifestantes várias vezes na mesma cena, misturando-os a outros “mortadelas” para inflar artificialmente a adesão de simpatizantes naquela passeata.
         Não é a primeira vez que tal fraude é flagrada em divulgações do PT, que – certamente desesperado pela péssima situação de rejeição que enfrenta – demonstra não ter a mesma competência utilizada nos crimes que promoveu, neste seu departamento de propaganda.
         E o pior! A falcatrua é tão malfeita que lembra os “apagões verbais” da DilmANTA. Tão notórios que dispensam exemplos.
         Enfim, o PT pretende enganar a quem, agindo assim?
         Todo o brasileiro que costuma usar seus neurônios já se deu conta do fracasso absoluto da campanha eleitoral prévia (que é proibida por lei) que o PT tenta fazer, utilizando até a figura patética do “Lularápio”.
         Restaram, porém, alguns reminiscentes da turma “me engana que eu gosto” sempre dispostos a aplaudir os criminosos e achar que tudo isso não passa de um golpe das zelites para sepultar o sonho bolivariano.
         Como aquele torcedor que continua a cantar marra, mesmo depois de um fiasco do seu time de coração, os fanáticos pelo PT existem; gritam mantras do tipo “golpistas!”; acreditam na inocência do chefe; e são caso para um profundo e demorado estudo psiquiátrico.
         Porque esta, nem FREUD explica!

         Marcelo Aiquel – advogado (31/08/2017)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Sua mensagem será avaliada pelos Editores do Ataque Aberto. Obrigado pela sua colaboração.