"O maior inimigo da autoridade é o desprezo e a maneira mais segura de solapá-la é o riso." (Hannah Arendt 1906-1975)

terça-feira, 27 de junho de 2017

Presidente do PT no Rio de Janeiro prega "luta aberta" nas ruas caso Lula seja condenado

Presidente do PT no Rio de Janeiro prega
Presidente do PT no Rio de Janeiro prega "luta aberta" nas ruas caso Lula seja condenado:


O presidente do PT no Rio de Janeiro, Washington Quaquá, divulgou, na segunda-feira (26), uma nota pregando o "confronto popular aberto nas ruas" caso o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva seja condenado pelo juiz Sergio Moro. As informações são da Folha de S.Paulo .

"Queremos, a partir do Rio de Janeiro, dizer em alto e bom som: condenar Lula sem provas é acabar de vez com a democracia! Se fizerem isso, se preparem! Não haverá mais respeito a nenhuma instituição e esse será o caminho para o confronto popular aberto nas ruas do Rio e do Brasil!", afirmou.

Leia mais:
Fachin retira de Moro competência de processos que envolvem Lula e Odebrecht
Lula lidera disputa presidencial, aponta Datafolha


Quaquá disse que o partido estará preparado para a luta "da forma como ela vier". O presidente estadual do PT ainda pregou uma repactuação do país "em torno da democracia e dos direitos e reformas que melhorem, de fato, a vida do povo".

"O Judiciário brasileiro precisa dizer se vai aprofundar o golpe ou vai ajudar a restituir a democracia roubada. A garantia de eleições e do direito do Lula concorrer às eleições limpas (já que está mais do que evidente que não há crime por ele cometido e nenhuma prova produzida, depois de anos de investigação e de pressões e benefícios absurdos concedidos para quem se dispusesse a delatá-lo) é a última trincheira, que caso ultrapassada, não restará mais nada, não restará mais nenhum compromisso democrático no Brasil", completa a nota.

Um comentário:

  1. Lula excita em praça pública o “povo organizado com bandeiras e camisetas” ( se não for foto antiga) para ser protegido caso seja condenado.
    Só por isso , ele deveria ser preso.

    ResponderExcluir

Sua mensagem será avaliada pelos Editores do Ataque Aberto. Obrigado pela sua colaboração.